Circo

circo

Qual a origem da palavra circo?

A palavra latina circo, que vem da palavra grega Kirkos, círculo, anel, se refere a uma área circular ou oval cercado por fileiras de assentos para os espectadores.

O que é circo e por que ele é tão importante?

Qual a importância do Circo para a cultura e educação? O Circo é um lugar mágico, que nos remete a vivências e sensações incríveis, nos fazendo viajar na beleza das cores, na alegria dos palhaços e nas acrobacias e aventuras dos trapezistas.

Qual a diferença entre circo e circo itinerante?

Um circo é organizado em uma arena - picadeiro circular, com assentos em seu entorno, enquanto circos itinerantes costumam se apresentar sob uma grande tenda ou lona. Cenas de circo por volta de 1891. Obra do pintor Arturo Michelena.

Quais as principais características do circo brasileiro?

O circo brasileiro está muito relacionado com as comunidades ciganas, que levavam uma vida nômade, sempre se mudando de lugar. Havia apresentações ao público com atrações como ilusionismo e doma de animais ferozes. Os espetáculos eram feitos sempre respeitando o gosto e interesse dos espectadores.

Como surgiu o circo no Brasil?

A história do circo no Brasil começou no século XIX. Foi nesse período que muitas famílias europeias vieram para o país e reuniram-se em guetos. Assim, compartilhavam a vida coletiva e manifestavam suas habilidades circenses.

Qual é a origem do circo moderno?

Dos chineses aos gregos, dos egípcios aos indianos, quase todas as civilizações antigas já praticavam algum tipo de arte circense há pelo menos 4 000 anos – mas o circo como o conhecemos hoje só começou a tomar forma durante o Império Romano.

Quais foram os marcos da história do circo?

Um marco para a história do circo foi o Anfiteatro Real das Artes, criado pelo cavaleiro inglês Philip Astley, em 1768. Nesse anfiteatro havia shows com cavalos e entre uma apresentação e outra havia exibições de malabarismo e palhaçaria.

Qual foi o primeiro circo a se tornar famoso?

O primeiro a se tornar famoso foi o Circus Maximus, que teria sido inaugurado no século VI a.C., com capacidade para 150 000 pessoas.

Qual a importância do circo para o Brasil?

A grande importância do circo para o Brasil como um todo é que ele vai a qualquer lugar, nos lugares mais esquecidos, nos quais é normalmente a única forma de entretenimento ao vivo que se tem. Mas até mesmo o grande circo, como o Circo Espacial, por exemplo, faz temporadas, mas alguns anos atrás isso era feito com mais frequência.

Quais são as principais dificuldades do circo?

A primeira grande dificuldade é o terreno. Para os grandes circos é difícil e para o pequeno também. O estranho nessa história é que qualquer cidade, por menor que seja, se orgulha de dizer que tem um cinema, um teatro, mas não que tem um espaço em que o circo possa ser montado.

Quais são os tipos de circos que fazem temporadas?

Mas até mesmo o grande circo, como o Circo Espacial, por exemplo, faz temporadas, mas alguns anos atrás isso era feito com mais frequência. Nos anos 60, tínhamos ao mesmo tempo três grandes circos na mesma cidade. Hoje, o comum é existir apenas um circo fazendo temporada em cada lugar.

Por que o circo é patrimônio afetivo da humanidade?

Uma frase que eu gosto e que define bem essa arte é o que os franceses dizem: O circo é patrimônio afetivo da humanidade. É uma arte que passa de pai para filho, uma emoção que o circo traz, mesmo quando a estrutura não é tanta. Mas não existe uma geração que pode correr o risco de se privar dessa emoção?

Postagens relacionadas: