Catalisadores roubados

catalisadores roubados

O que aconteceu com o catalisador roubado?

Depois de ter seu catalisador roubado três vezes seguidas no ano passado, Jerry Turriff, proprietário do Jerrys Certified Service and Towing em Milwaukee, no Wisconsin, decidiu esvaziar os pneus de alguns dos veículos mais visados de seus clientes para impedir que os ladrões tivessem acesso por baixo. É inacreditável.

Por que os catalisadores de carros são roubados?

O roubo de catalisadores de carros tem se tornado algo constante nos Estados Unidos e no mundo. Eles sempre foram alvos de ladrões, entretanto recentemente isso está se intensificando devido ao aumento nos preços dos metais preciosos e raros contidos na peça.

Como está o roubo de catalisadores dos automóveis em Portugal?

O roubo de catalisadores dos automóveis em Portugal continua a aumentar, desde o último grande levantamento realizado pela Polícia de Segurança Pública (PSP) em agosto, que dava conta de 3206 queixas registadas por este tipo de crime; mais 2367 ocorrências do que em todo o ano de 2020!

Como proteger os catalisadores dos roubos?

Nas lojas de acessórios mais especializadas estão à venda as chamadas “gaiolas”, peças metálicas especialmente concebidas para proteger os catalisadores dos roubos. Não são 100% eficazes, mas ajuda a tornar mais difícil e demorado o trabalho de extração da peça, o que pode ter um efeito dissuasor.

Por que os catalisadores são roubados?

Alguns catalisadores são roubados e depois entregues a empresas que fazem a sua reciclagem, para aproveitar a Platina, o Ródio e o Paládio. A onda de roubos chega a variar consoante a cotação destes metais sobe ou desce. Como a cotação do Ródio e Paládio tem vindo a crescer nos últimos anos, é lógico que os roubos aumentem.

Como proteger os catalisadores dos roubos?

Entretanto, já foram surgindo no “aftermarket” soluções para proteger os catalisadores dos roubos. As mais populares são uma espécie de “gaiolas” que são colocadas em redor dos catalisadores para dissuadir os ladrões de o tentar roubar.

Por que o catalisador é entupido?

Com o catalisador entupido o motor tem de se esforçar devido ao aumento de pressão e à falha no fluxo de gases, o que acaba por fazer com que o consumo de combustível seja superior ao normal, e com que saiam mais gases nocivos do que era suposto. O carro a consumir mais do que deve, é algo que acaba por ser prejudicial para a carteira.

Quais são os sintomas de um catalisador em mau estado?

3 sintomas de um catalisador em mau estado 1. Perda de potência. Quando o carro tem o catalisador entupido o motor tem de fazer um esforço maior para acelerar devido aos gases que impedem o motor de “respirar”, o que pode significar que quando meter o pé no acelerador o carro não vai andar aquilo que devia.

Por que os catalisadores são roubados a carros semi-novos?

As motivações para este tipo de roubos são duas e ambas andam à volta do mesmo tema, o elevado valor de um catalisador. Alguns dos roubos são feitos a carros semi-novos, com o intuito de revender os catalisadores a oficinas menos sérias, que depois os usam para substituir os catalisadores usados ou danificados dos carros dos seus clientes.

Como é que o roubo dos catalisadores é efetuado?

A GNR explicou-nos ainda como é que o roubo dos catalisadores é efetuado, havendo vários métodos para o fazer. No método mais comum “os suspeitos colocam-se debaixo da viatura e procedem ao corte do catalisador recorrendo a um equipamento de corte, por exemplo uma rebarbadora elétrica”.

Como evitar que o catalisador seja roubado?

Nenhuma destas soluções é possível de aplicar aos catalisadores, como é claro. Por isso, resta a alternativa das tais “gaiolas” aparafusadas ao fundo do carro, para evitar que o “precioso” catalisador seja roubado.

Como proteger os catalisadores dos roubos?

Nas lojas de acessórios mais especializadas estão à venda as chamadas “gaiolas”, peças metálicas especialmente concebidas para proteger os catalisadores dos roubos. Não são 100% eficazes, mas ajuda a tornar mais difícil e demorado o trabalho de extração da peça, o que pode ter um efeito dissuasor.

Postagens relacionadas: